sexta-feira, março 11, 2011

COMO AGIR QUANDO UM SEGURANÇA IMPEDIR O BEIJO ENTRE GAYS OU LÉSBICAS ?


A sessão do filme Cisne Negro, no cinema Roxy, no Rio de Janeiro, teve um início agitado. É que, antes mesmo de a sessão começar, quando as luzes ainda estavam acesas, um segurança do cinema repreendeu Thiago Soliva e João Batista, que estavam trocando um beijo apaixonado.





O segurança se aproximou do casal e disse: "Aqui não é lugar disso". Os rapazes reagiram indignados e, em alto e bom som, afirmaram que eram Homossexuais e estavam no direito deles de se beijarem no cinema. O segurança insistiu, afirmando que o cinema "não é lugar disso".

Foi então que a plateia presente se manifestou a favor dos Gays, vaiando o segurança! Uma senhora, que estava com seu companheiro, afirmou: "Desde sempre as pessoas vêm ao cinema para namorar".

Um grupo de moças, demonstrando forte indignação, argumentou: "Se fosse um casal heterossexual podia se beijar, como é um casal Gay não pode? Que absurdo!".

Mas, a defesa mais veemente veio de um machão, que estava acompanhado da companheira. Quando o segurança reclamou de os rapazes estarem se beijando, o bofe retrucou: "Por acaso eles estavam beijando a tua boca?"...



Realmente o público ficou chocado com o preconceito ostensivo do segurança. Fato é que, depois do barraco, a sessão do filme Cisne Negro transcorreu normalmente. Inclusive com uma caliente cena de beijo entre as atrizes Natalie Portman e Mila Kunis...

ATITUDES A SEREM TOMADAS QUANDO ISTO ACONTECER COM VOCE OU ALGUM CONHECIDO.

01. Discar no fone 100 ( Disk Anti-Homofobia ) e e denunciar o caso.

02. Pegar telefone e ou e-mail de umas 3 pessoas que viram o fato e possam testemunhar

03. Ir numa delegacia denunciar o fato por constrangimento ilegal, e violencia fisica e psicologica se houver.

04. Ir no Juizado de pequenas causas e solicitar uma indenização de até 40 salários mínimos contra o estabelecimento . Não precisa de advogado para isso, mas precisa levar boletim da delegacia e lista de testemunhas. Além do endereço completo do estabelecimento e nome do dono ou gerente.

05. Procurar uma ong da sua cidade e promover uma manifestação contra a Homofobia.

Veja mais detalhes em www.artgays.blogspot.com

4 comentários:

Thiago disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
lorena.drummont disse...

oi amigo, bom dia, primeiramente eu queria te fazer uma pergunta muito seria,,,e pq outro dia me aconteceu uma coisa que me constrangeu muito , eu sou uma travesti eu so ando assim meu corpo e bem feminino, e eu fui ao banheiro feminino e o segurança do local não deixou eu entrar no banheiro e quase me bateu por causa disso, ai eu queria tirar essa duvida, pq na hora eu fiquei sem reação , eu como travesti posso usar o banheiro feminino? obs: ( eu tive que usar o banheiro masculino, e o que me incomoda são os caras que fica la dentro, vcs ja imagina o que eles fica fazendo pra mim lá dentro).

Léo Mendes disse...

Lorena

01. Disk no Fone 100 e faça sua denuncia no LGBT.

02. Peça , no Disk 100 apoio jurídico e psicológico.

03. Veja com o advogado uma ação de constrangimento ilegal contra esse local homofobico.

04. Em todas capitais do Brasil tem ongs de travestis. Participe. Lute.

05. se você é de Goiás, nos procure para ajuda-la : algbtgo@yahoo.com.br

Um abraço,

Léo Mendes

Diego disse...

Gostei liorcino.